Semana começa com chuva.

Observe a imagem de satélite dessa noite muitas nuvens entre o litoral central e norte devido a passagem de uma frente fria. No resto do estado uma massa de ar polar já está atuando. Estamos com temperaturas abaixo dos 8°C no oeste, e abaixo de 5°C na serra. Na segunda e parte de terça-feira teremos uma mistura de circulação marítima e áreas de instabilidade atuando no norte de Santa Catarina trazendo chuva com volumes abaixo dos 25 mm. Depois a circulação marítima, e sua maior variação na cobertura de nuvens, especialmente sobre litoral, atuará até o fim de semana. Na sexta-feira uma frente fria se deslocará pelo Rio Grande do Sul sem alterações nas condições de tempo para nossa região.

Imagem do satélite GOES 16/NOAA/EUA – Canal True-Color + IR 10,35 µm – dia – 17/07/2022 – Hora local: 19:00 – Sul do Brasil. Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)/Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC)/Divisão de Satélites e Sistemas Ambientais (DAS) modificado por LabClima/UNIVALI. Clique para ampliar.

Segunda-feira com tempo nublado, chuva e trovoada isolada, principalmente a partir da tarde. Essa condição permanecerá até manhã de terça-feira, depois o sol aparecerá entre nuvens. Chuva fraca bem isolada na madrugada de quarta-feira. Entre quarta e domingo teremos a presença constante das nuvens com maiores ou menores períodos de sol. Chance de nevoeiros ocasionais. Se chover será bem isolado, e nos momentos de maior nebulosidade por causa da circulação marítima.

Temperaturas amenas no início da semana e em elevação para o fim da semana. Entre segunda e quarta-feira temperaturas mínimas entre 12/15°C e máximas entre 17/23°C. A partir de quinta-feira mínimas entre 15/17°C e máximas entre 26/28°C.

Ventos variáveis. As direções de noroeste e nordeste terão a maior frequência na semana. Vento fraco com intensidade entre calmaria e brisa leve. Rajadas médias inferiores a 25 km/h.

Predomínio das ondas de leste com tamanho entre liso e meio metro. Na segunda, sábado e domingo ondas de até 1 metro conforme o pico.

Fora da costa ondas entre 1,5 e 3 metros com tendência de baixa.

O tempo no fim de semana.

Amanhã uma nova frente fria se formará no Rio Grande do Sul. Passará em nossa região no sábado. No domingo uma massa de ar polar entrará pelo interior do estado. O centro desse ciclone se movimentará entre o Rio Grande do Sul e o Uruguai trazendo agitação marinha, principalmente entre esse estado e o sul catarinense. Nesse fim de semana teremos nebulosidade, períodos de sol, chuva bem isolada e nevoeiros. Chuva mais significativa na segunda-feira, por causa da atuação de áreas de instabilidade no norte catarinense. Observe a imagem de satélite dessa noite áreas de instabilidade sobre o oceano (colorido) e nebulosidade presente sobre nosso estado.

Imagem do satélite GOES 16/NOAA/EUA – Canal True-Color + IR 10,35 µm – dia – 14/07/2022 – Hora local: 19:50 – Sul do Brasil. Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)/Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC)/Divisão de Satélites e Sistemas Ambientais (DAS) modificado por LabClima/UNIVALI. Clique para ampliar.

Nessa sexta-feira teremos a presença das nuvens e alguns períodos de sol. Condições de chuva na madrugada e nevoeiro à noite. No sábado, novamente a presença das nuvens com um pouco mais de sol entre manhã e tarde. Nevoeiro na madrugada e noite. O domingo começará mais encoberto com chuva na madrugada, depois o sol aparecerá entre nuvens. A próxima semana começará com chuva na segunda, madrugada e manhã de terça-feira. Depois a presença constante das nuvens, algumas aberturas de sol e se chover, será fraco e bem isolado.

Temperaturas mais agradáveis para sexta-feira e sábado com mínimas entre 14/16°C e máximas entre 24/26°C. Com a chegada da massa de ar polar o domingo será mais frio com temperaturas entre 11/21°C. A próxima semana começará mais fria. Para segunda temperaturas entre 11/17°C, na terça entre 12/22°C, e a partir de quarta-feira as temperaturas se elevarão.

Ventos variando entre as direções de noroeste e nordeste para sexta-feira e sábado. No domingo ventos de oeste e sudoeste. Vento mais intenso no domingo com rajadas fortes de até 50 km/h.

Ondas de leste para sexta e sábado com 1 metro. Condições de séries maiores dependendo do pico. No domingo ondas variando entre sudeste e leste com até 1,5 metros.

Fora da costa ondas variando entre 1,5 e 3 metros.

Mudança no tempo: presença constante das nuvens, chuva e a volta do frio.

Áreas de instabilidade se intensificarão sobre o Rio Grande do Sul e formarão uma nova frente fria que passará por aqui na terça-feira. Na quarta-feira uma massa de ar polar se deslocará em direção ao oceano, bem como nebulosidade remanescente da passagem da frente fria. Na quinta-feira novas áreas de instabilidade atuarão sobre o estado. Na sexta-feira circulação marítima. No sábado nova frente fria, e logo após a sua passagem, entrada de uma nova massa de ar polar mais robusta trazendo frio mais significativo. Assim será uma semana em que a nebulosidade estará presente com chuva em alguns dias, chance de trovoada isolada e nevoeiros, e temperaturas mais baixas do que a semana que passou. Observe a imagem de satélite dessa noite nebulosidade presente em Santa Catarina e áreas de instabilidade (colorido) sobre o estado gaúcho.

Imagem do satélite GOES 16/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce (topo das nuvens em °C) – dia -10/07/2022 – Hora local: 20:10 – Sul do Brasil. Fonte: Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) modificado por LabClima/UNIVALI.

Essa segunda-feira terá muitas nuvens com períodos de sol. Condição de nevoeiros. A terça-feira terá chuva com trovoada isolada, principalmente na madrugada/manhã. Depois sol aparecerá entre nuvens. Na quarta-feira teremos maior nebulosidade com condições de chuva, especialmente à noite. Quinta-feira com muitas nuvens e chuva com trovoada isolada na madrugada e início de manhã. Sexta-feira com algumas aberturas de sol e nevoeiros. O sábado será chuvoso por causa da passagem de uma frente fria. Chuva na madrugada de domingo, depois o sol aparecerá entre nuvens.

O frio voltará nessa semana. Segunda e sexta-feira mais quentes com temperaturas entre 14/26°C. Para terça, quarta, quinta-feira e sábado um friozinho com temperaturas entre 10/21°C. No domingo o frio voltará mais forte com temperaturas entre 6/15°C.

Ventos variáveis. Entre essa segunda e sexta-feira maior frequência das direções de noroeste e nordeste. Para o fim de semana das direções de sudoeste e sudeste. Na maioria dos dias a intensidade ficará entre calmaria e brisa leve. Na terça-feira e sábado vento mais intenso. Rajadas médias inferiores a 25 km/h. Exceções para terça-feira, sábado e domingo com rajadas de até 50 km/h.

Em nossas praias predomínio da direção de leste com alguma variação. Tamanho de até 1 metro com séries maiores em alguns picos.

Fora da costa ondas entre 1 e 3 metros.

O tempo no fim de semana. Sem frio e chuva.

Observe na imagem de satélite desse início de noite nebulosidade presente entre o planalto e o litoral devido a passagem de uma frente fria. Para sábado, domingo e segunda-feira atuação da circulação marítima. Na terça-feira uma nova frente fria passará por nossa região trazendo chuva. Depois teremos uma mistura de circulação marítima e áreas de instabilidade deixando muitas nuvens e chuva ocasional. As temperaturas agradáveis dos últimos dias se manterão para o fim e início de semana.

Imagem do satélite GOES 16/NOAA/EUA – Canal True-Color + IR 10,35 µm – dia – 07/07/2022 – Hora local: 17:30 – Sul do Brasil. Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)/Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC)/Divisão de Satélites e Sistemas Ambientais (DAS) modificado por LabClima/UNIVALI. Clique para ampliar.

Para essa sexta, sábado e segunda-feira teremos sol com momentos de maior e menor presença das nuvens. O domingo terá maior nebulosidade com aberturas de sol e nevoeiros. A terça-feira será nublada com chuva à noite. Quarta-feira chuvosa. Para quinta e sexta-feira da próxima semana, por enquanto, muitas nuvens, aberturas de sol e chuva ocasional.

Nesse fim de semana as temperaturas mínimas ficarão entre 13/14°C e as máximas entre 23/25°C. A próxima semana começará mais quente com máximas entre 25/28°C. Um friozinho na quarta-feira, entre 13/19°C. Depois temperaturas entre 13/24°C.

Ventos variáveis nesse fim de semana. Começando entre sudoeste e sudeste, depois girando para noroeste e nordeste. Intensidade entre calmaria e brisa leve. Rajadas médias inferiores a 20 km/h.

Em nossas praias predomínio das ondas de leste com alguma variação. O tamanho ficará entre meio metro e um metro. Chance em alguns picos de séries maiores. Tendência de elevação na próxima semana.

Fora da costa ondas entre 1,5 e 3 metros.

Semana mais quente com nebulosidade variável

Hoje temos uma frente fria entre o Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Para segunda, terça e quarta-feira atuação da circulação marítima. Na quinta-feira nova frente fria entre nosso estado e o gaúcho. Depois, circulação marítima. Será uma semana com muita variação na nebulosidade, nevoeiros isolados, e se chover, será bem isolado e fraco. Chuva por enquanto, somente na próxima semana. Temperaturas amenas na madrugada e calor nas tardes. Observe a imagem de satélite dessa noite muita nebulosidade no Rio Grande do Sul e sul de Santa Catarina por causa de uma frente fria.

Imagem do satélite GOES 16/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce (topo das nuvens em °C) – dia -03/07/2022 – Hora local: 20:40 – Sul do Brasil. Fonte: Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) modificado por LabClima/UNIVALI.

Entre essa segunda-feira e o domingo teremos a presença constante das nuvens com maiores ou menores períodos de sol. Condições de nevoeiros isolados, geralmente nas madrugadas e noite, entre segunda e quinta-feira.

Essa semana será mais quente que nos últimos dias. As temperaturas mínimas ficarão entre 13/15°C e as máximas entre 23/26°C.

Os ventos de noroeste e sudoeste terão maior frequência. A intensidade ficará entre calmaria e brisa leve. Rajadas médias inferiores a 25 km/h.

Em nossas praias predomínio da direção de leste com alguma variação. O tamanho ficará entre liso e meio metro até quinta-feira, depois séries de até 1 metro. Condições de séries maiores dependendo do pico.

Ondas de até 2,5 metros entre a costa e alto mar.

Bons períodos de sol para o fim de semana

Observe a imagem de satélite dessa noite poucas nuvens sobre Santa Catarina. Nessa sexta-feira e parte de sábado teremos atuação da circulação marítima. No sábado uma nova frente fria se deslocará em direção ao estado, passando pelo oceano no domingo, sem alterações nas condições do tempo. Depois, circulação marítima novamente, e uma nova frente fria na terça-feira. Assim teremos bons períodos de sol nesse fim de semana.

Imagem do satélite GOES 16/NOAA/EUA – 1: Southern South America – Ch 4 – Thermal Infrared – dia 30/06/2022 – Hora local: 18:10 – Sul do Brasil. Fonte: Regional and Mesoscale Meteorology Branch (RAMMB)/Cooperative Institute for Research in the Atmosphere (CIRA) modificado por LabClima/UNIVALI.

Sexta-feira começará com sol, depois a nebulosidade aumentará no decorrer do dia. Chance de chuvisco ou nevoeiros isolados. No sábado será ao contrário. Começaremos com mais nuvens, depois o sol aparecerá com força. O domingo e segunda-feira serão ensolarados. Nevoeiros isolados nas madrugadas e noites.

Hoje a temperatura mínima em Itajaí foi de 8,1°C e em Camboriú de 6,7°C. Temperaturas em elevação no fim de semana. As mínimas ficarão entre 9/14°C e as máximas entre 20/27°C. O domingo será mais quente.

Ventos variáveis com intensidade entre calmaria e brisa leve. Rajadas médias inferiores a 25 km/h.

Em nossas praias ondas variando entre as direções de sudeste e leste. O tamanho ficará entre liso e meio metro. Em alguns picos chance de séries maiores.

Fora da costa ondas entre 1 e 2,5 metros.

Semana de pouca chuva e nebulosidade variável

A semana começará com circulação marítima e áreas de instabilidade. Na terça-feira áreas de instabilidade sobre o Rio Grande do Sul se intensificarão e formarão um ciclone na costa gaúcha. Na quarta-feira uma frente fria se deslocará entre o estado gaúcho e catarinense. Depois, uma massa de ar polar atuará sobre nosso estado, trazendo novamente a circulação marítima, e sua maior variação na cobertura de nuvens entre o litoral e o planalto. No sábado e domingo teremos uma mistura de circulação marítima e uma frente fria no Rio Grande do Sul, sem alterações no tempo, somente na nebulosidade. A próxima semana começará igual, e na terça-feira, nova frente fria se deslocará pela região sul. Com essas condições teremos variação na nebulosidade, com as nuvens presentes em boa parte da semana, intercalando com maiores ou menores períodos de sol. Chance de chuva ocasional na quarta-feira com a passagem da frente fria. Observe a imagem de satélite dessa noite áreas instabilidade (colorido) presentes na região sul brasileira.

Imagem do satélite GOES 16/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce (topo das nuvens em °C) – dia -26/06/2022 – Hora local: 19:20 – Sul do Brasil. Fonte: Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) modificado por LabClima/UNIVALI.

Segunda-feira de muitas nuvens, chuvisco isolado e aberturas de sol. Entre terça e sexta-feira maiores períodos de sol, sempre acompanhado das nuvens. Chuva ocasional na quarta-feira, principalmente na manhã e tarde. Nevoeiros isolados na sexta-feira e sábado. O sábado começará com nebulosidade, mas o sol aparecerá com força no decorrer do dia. A princípio, teremos um domingo e segunda-feira ensolarados.

Temperaturas amenas na maioria dos dias. Friozinho na madrugada e início do dia, e em elevação no período da tarde. No período de segunda à sexta-feira mínimas entre 12/14°C e máximas entre 21/24°C. No fim de semana mínimas entre 14/15°C e máximas entre 25/26°C.

Ventos variáveis com intensidade entre calmaria e brisa leve. As direções de noroeste e nordeste terão maior frequência, depois de sudoeste e sudeste. Rajadas médias inferiores a 25 km/h. Na quarta-feira rajadas fortes de até 45 km/h.

Em nossas praias ondas variando entre sudeste e leste até quarta-feira. Depois, maior frequência da direção de leste. O tamanho ficará entre liso e meio metro. Em alguns picos teremos séries maiores, principalmente na quarta-feira por causa do vento mais intenso.

Fora da costa agitação marinha nessa segunda, e depois na quinta-feira, com ondas entre 1 e 3 metros.

Muitas nuvens para o fim de semana

Observe a imagem de satélite desse início de noite, áreas de instabilidade (partes coloridas) associadas ao deslocamento vagaroso de uma frente fria sobre Santa Catarina. Parte dessas áreas de instabilidade trouxeram no final da tarde de hoje, chuva, granizo e trovoada. Essa frente fria se deslocará amanhã em direção a São Paulo. Depois, uma massa de ar polar se deslocará em direção a região sul brasileira a partir da Argentina, facilitando a circulação marítima sobre o litoral. Na quarta-feira uma nova frente fria passará por nossa região, e depois, novamente, circulação marítima e sua maior variação da nebulosidade.

Imagem do satélite GOES 16/NOAA/EUA – Canal True-Color + IR 10,35 µm – dia – 23/06/2022 – Hora local: 18:30 – Sul do Brasil. Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)/Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC)/Divisão de Satélites e Sistemas Ambientais (DAS) modificado por LabClima/UNIVALI. Clique para ampliar.

Presença de muitas nuvens nessa sexta-feira, sábado e domingo. Condições de chuva isolada, especialmente na madrugada e noite de sexta, ao final da tarde e noite de sábado e madrugada de domingo. Possíveis aberturas de sol. A próxima semana também começará com muitas nuvens, mas com maiores períodos de sol. Pancadas de chuva na quarta-feira, e bons períodos de sol na quinta e sexta-feira.

As temperaturas continuarão amenas. Um friozinho pela manhã e elevação no decorrer do dia. As mínimas ficarão entre 12/15°C e as máximas entre 17/22°C nesse fim de semana. Para próxima semana mínimas entre 10/13°C e máximas entre 18/24°C.

Ventos variáveis nesse final de semana. Maior frequência das direções de sudoeste e sudeste. Intensidade entre calmaria e brisa leve. Rajadas médias inferiores a 20 km/h.

Ondas variando entre as direções de sudeste e leste conforme a praia. O tamanho ficará entre liso e 1 metro. Em alguns picos, séries maiores.

Fora da costa agitação marinha a partir do sábado, permanecendo assim, até terça-feira próxima. Ondas entre 1 e 3 metros.

Inverno de 2022

Amanhã às 6 horas e 14 minutos começará o inverno astronômico com o solstício de inverno de 2022. O dia será mais curto e a noite mais longa. Essa é uma característica dessa estação, e assim será nos próximos dias, com amanhecer tardio e anoitecer mais cedo. Esse inverno estará sob a influência da La Niña com intensidade fraca. A La Niña atua desde julho de 2021 (figura 1), e se manterá no mínimo até novembro (figura 2). A La Niña tem como características gerais para a região sul temperaturas mais amenas, ou seja, o inverno mais frio, um verão mais fresco. Também influencia o regime de chuvas, trazendo irregularidade na precipitação, tanto no espaço, como no tempo. Assim pode chover bem numa região, e noutra não. Estiagem, e logo após, chuvas concentradas. Lembrando que a intensidade está fraca, e assim atenua essas características, como também outros fatores regionais e locais que influenciam.

Figura 1: Previsão para anomalias no El Niño. Fonte: NCEP/NOAA – Center for Weather and Climate Prediction – National Weather Service – EUA.

Figura 2: Modelo de probabilidade de El Niño – IRI ENSO. Fonte: International Research Institute for Climate and Society – Earth Institute – Columbia University – EUA.

Não há um consenso entre os modelos internacionais e nacionais, mas algumas proximidades nos prognósticos. Quanto a precipitação para o trimestre de julho, agosto e setembro indicam chuva abaixo da média histórica. Alguns modelos colocam 50% de chance de chuva abaixo da média para julho, 40% para agosto e setembro. No interior do estado a chance aumenta para 50% em setembro. Quanto a anomalia negativa chance de 50 mm de chuva no litoral e 100 mm no interior. Importante lembrar que o inverno é a estação menos chuvosa na região sul, mas geralmente com histórico de chuvas bem distribuídas. A média histórica de chuva para julho é de 111 mm, de 90 mm para agosto e de 142 mm para setembro. Não se descarta a possibilidade de chuvas pontuais intensas no decorrer da estação.

Quanto a temperatura os modelos apresentam maiores discrepâncias. O modelo nacional do INMET (Instituto Nacional de Meteorologia) indica temperaturas na média/abaixo da média para julho e agosto, e na média/acima da média para setembro. O modelo internacional da Universidade da Columbia (EUA) coloca temperaturas na média para julho e setembro, e acima da média para agosto. O modelo americano do NCEP/NOAA (Center for Weather and Climate Prediction – National Weather Service) coloca temperaturas na média histórica, e alguma anomalia leve acima da média histórica. Utilizamos a média das temperaturas máximas e mínimas como melhor padrão para equalizar as temperaturas diárias. Para o mês de julho temperaturas de 21/12°C, 22/13°C para agosto e 23/14°C para setembro. A média histórica de dias com chuva para o trimestre é 11/10/13 dias respectivamente. É provável ondas de frio mais intensas durante o trimestre.

O vento predominante para o trimestre é de sudoeste em julho, e nordeste para agosto e setembro. A média da umidade relativa do ar histórica é de 85% para o trimestre.

Outras características do nosso inverno são os nevoeiros nas madrugas e amanhecer, bem como, mais isoladamente, os nevoeiros marítimos. Temos a maior passagem de sistemas frontais frios. Ocorrência de ciclones mais ou menos intensos, que dependendo da posição, trazem ventos mais intensos sobre o estado. Quando no oceano facilitam a ocorrência da maré meteorológica sobre o litoral e seus efeitos – ressaca e alagamentos dos baixios.

Ótimo inverno à todos nessa estação charmosa.

Semana de nebulosidade variável com chuva ocasional

Observe a imagem de satélite desse início de manhã muitas nuvens sobre parte da região sudeste e sul. Isso deve a áreas de instabilidade e circulação marítima. Amanhã teremos áreas de instabilidade avançando pelo Rio Grande do Sul junto a uma frente fria no oceano. Na quarta-feira essas áreas se intensificarão e formarão um ciclone (baixa pressão) na costa entre o estado gaúcho e catarinense. Esse sistema se fortalecerá formando uma nova frente fria que passará por nossa região na quinta-feira. Depois uma massa de ar polar com seu núcleo sobre a Argentina atuará até o fim de semana trazendo circulação marítima. Assim teremos uma semana com a presença do sol com nuvens até quinta-feira, depois o predomínio será da nebulosidade.

Imagem do satélite GOES 16/NOAA/EUA – Canal True-Color + IR 10,35 µm – dia – 20/06/2022 – Hora local: 08:30 – Sul do Brasil. Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)/Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC)/Divisão de Satélites e Sistemas Ambientais (DAS) modificado por LabClima/UNIVALI. Clique para ampliar.

Bons períodos de sol para segunda, quarta e quinta-feira. Condições de chuva ocasional na terça, especialmente para tarde e noite, madrugada de quarta e isolada na noite de quinta-feira. Para sexta-feira, sábado e domingo o predomínio será das nuvens com chuva isolada na sexta e domingo, e ocasional no sábado. A próxima semana começará igual, por enquanto.

Hoje fez um friozinho pela manhã, mínima de 10,8°C em Camboriú e 11,9°C em Itajaí. Temperatura em elevação durante a semana, e frio novamente na próxima semana. Temperaturas mínimas entre 12/15°C e a máximas entre 21/28°C até quinta-feira. Na sexta-feira entre 14/21°C. No fim de semana temperaturas entre 12/18°C.

Ventos variáveis. Entre essa segunda e parte de quinta-feira vento das direções de noroeste e nordeste. De quinta até parte de domingo variando entre sudoeste, sul e sudeste. A intensidade na maioria dos dias ficará entre calmaria e brisa leve. Rajadas médias inferiores a 25 km/h. Rajadas mais fortes no sábado e domingo.

Ondas variando entre as direções de sudeste e leste. O tamanho ficará entre liso e meio metro. Séries maiores, dependendo do pico, a partir de quarta-feira.

Sem agitação marinha fora da costa. Previsão de ondas entre 1 e 2 metros.

O inverno astronômico começará amanhã, dia 21, às 6 horas e 14 minutos, sob a influência da La Niña fraca até novembro.