Chuva, ressaca e vento forte para hoje.

Observe a imagem de satélite desse início de manhã fortes áreas de instabilidade sobre o oceano (colorido). Isso é um sistema de baixa pressão, ciclone, que se intensificou e é classificado como uma frente fria pela Marinha do Brasil. Ele continuará a se deslocar em direção ao alto mar, levando consigo as áreas de instabilidade, e a partir de quinta-feira o tempo ficará mais estável. Depois, uma massa de ar polar atuará no estado, a partir do oceano, trazendo a circulação marítima e sua maior variação na nebulosidade. Assim desde quinta-feira até domingo teremos períodos de sol, intercalando com períodos de maior nebulosidade. Chance de chuva fraca isolada em alguns momentos em que as nuvens predominarão. Condições de nevoeiros no sábado e domingo.

As temperaturas continuarão amenas. As mínimas ficarão entre 10/14°C e as máximas entre 17/22°C.

Alguns números para hoje. Total de precipitação entre sábado e até às 7 horas de hoje. Em Camboriú – 124 mm, em Balneário Camboriú – 151 mm e em Itajaí – 119 mm.

Hoje tivemos rajada máxima de 130 km/h às 7 horas e 20 minutos registrada na estação meteorológica da Univali/Porto de Itajaí, no molhe de Itajaí.

Atualizando a rajada máxima foi às 8 horas e 30 minutos com 132 km/h.

A parte mais intensa de chuva e vento foi na madrugada e se mantém pela manhã. A partir da tarde com o deslocamento do ciclone para alto mar, as condições se normalizarão.

Imagem do satélite GOES 16/NOAA/EUA – Canal True-Color + IR 10,35 µm – dia – 10/08/2022 – Hora local: 07:10 – Sul do Brasil. Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)/Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC)/Divisão de Satélites e Sistemas Ambientais (DAS) modificado por LabClima/UNIVALI. Clique para ampliar.

Em nossas praias forte ondulação entre essa quarta e sexta-feira. Chance de séries de até 4 metros para hoje, 3 metros para amanhã e 2,5 metros para sexta-feira, dependendo do pico. Assim se mantém as condições de ressaca e alagamentos de baixadas nesse período.

Fora da costa agitação marinha com ondas maiores que 4 metros até sexta-feira. Depois tendência de baixa. Restrição para embarcações de pequeno porte.

Tempo instável no início da semana. Chuva, ventania e ondas grandes.

Começamos a semana com fortes áreas de instabilidade atuando no estado catarinense. Na terça-feira parte dessas áreas avançarão sobre o oceano, se intensificarão e formarão um ciclone, depois, uma frente fria. A atuação desse sistema de baixa pressão entre Santa Catarina e São Paulo propiciará rajadas fortes de vento, de até 60 km entre segunda e quarta-feira, e como consequência sobre o litoral, condições de ressaca e alagamentos nas baixadas. É esperado ondulação com séries de até 4 metros, dependendo da praia. Com essa umidade sobre nossa região é esperado chuva significativa com volumes próximos de 100 mm para terça e quarta-feira. Desde sábado até essa noite de domingo, choveu entre 40 e 55 mm em nossa região. Observe a imagem de satélite dessa noite muitas nuvens sobre nosso estado.

Imagem do satélite GOES 16/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce (topo das nuvens em °C) – dia -07/08/2022 – Hora local: 19:40 – Sul do Brasil. Fonte: Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) modificado por LabClima/UNIVALI.

Predomínio das nuvens nessa segunda, terça e quarta-feira. Condições de chuva, em alguns momentos mais forte com trovoada isolada. Entre quinta-feira e domingo as nuvens estarão presentes, acompanhadas de alguns momentos de sol. Chuva isolada na madrugada de quinta, nevoeiro na noite de sexta-feira e madrugada de sábado.

As temperaturas continuarão amenas para os próximos dias. As mínimas ficarão entre 10/13°C e as máximas entre 16/20°C. No fim de semana temperaturas em leve elevação.

Vento da direção sudeste com maior frequência até sexta-feira, depois das direções de noroeste e nordeste. Para o período de segunda a quarta-feira intensidade entre calmaria e vento moderado. Rajadas fortes de até 60 km/h. De quinta-feira em direção ao fim de semana tendência de brisa leve.

Ondas da direção sudeste com alguma variação para leste predominarão durante a semana. Ondulação mais forte no período de segunda a quinta-feira com séries de 2 metros. Chance para terça e quarta-feira, dependendo do pico, séries maiores que 3 metros. Tendência de baixa a partir de sexta-feira. Condições de ressaca e alagamento nas baixadas.

Fora da costa tendência de agitação marinha, especialmente para quarta e quinta-feira, com ondas maiores que 5 metros. Restrição a navegação de embarcações de pequeno porte.

Chuva para o fim de semana.

Observe a imagem de satélite desse início de manhã muitas nuvens sobre a região sul com exceção do litoral catarinense. Isso se deve a passagem de uma frente fria. Amanhã, áreas de instabilidade (cavado) com seu núcleo sobre a Bolívia e o Paraguai (ciclone) darão o tom para os próximos dias. Elas avançarão pelo estado trazendo muitas nuvens, chuva e trovoada para os próximos dias. Essas condições permanecerão até a próxima quarta-feira, quando avançarão para o oceano, se intensificarão e formarão uma nova frente fria, limpando o tempo. Logo após uma massa de ar polar atuará sobre Santa Catarina com seu núcleo sobre o oceano.

Imagem do satélite GOES 16/NOAA/EUA – Canal True-Color + IR 10,35 µm – dia – 05/08/2022 – Hora local: 07:50 – Sul do Brasil. Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)/Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC)/Divisão de Satélites e Sistemas Ambientais (DAS) modificado por LabClima/UNIVALI. Clique para ampliar.

Essa sexta-feira será ensolarada, com aumento da nebulosidade a partir da noite. No sábado já teremos muitas nuvens, mas com possíveis aberturas de sol pela manhã, e condições de chuva com trovoada a partir da tarde. Entre domingo e quarta-feira pela manhã o predomínio será da nebulosidade, com chuva e trovoadas isoladas. Totais de chuva acima dos 50 mm para esse período.

Hoje a temperatura será agradável. A mínima em Camboriú foi de 14,9°C e em Itajaí de 16,5°C. A máxima chegará aos 24/25°C. Para o fim de semana mínimas entre 12/14°C e máximas entre 16/17°C. Essa condição permanecerá na próxima semana com temperaturas mais baixas, primeiro pela chuva, depois pela massa de ar polar.

O vento da direção sudeste terá maior frequência até a próxima terça-feira. A intensidade na maioria dos dias ficará entre calmaria e brisa leve. Rajadas mais fortes para hoje. Ventos mais fortes são aguardados entre quarta e sexta-feira por causa do ciclone junto a costa catarinense.

Predomínio das ondas de sudeste. O tamanho ficará liso e meio metro com algumas séries maiores, dependendo do pico. A partir de terça-feira séries maiores que 1,5 metros, e partir de quarta-feira séries maiores que 2 metros.

Condições de ressaca e alagamentos marinhos em baixadas começando na terça-feira, mas principalmente a partir de quarta-feira. Isso se deve ao fortalecimento dos ventos por causa do ciclone próximo de nossa costa.

Fora da costa, leve agitação marinha nessa sexta-feira e parte de sábado, com ondas entre 1 e 2,5 metros.

Semana com bons períodos de sol e frio.

Observe a imagem de satélite dessa noite nebulosidade presente em Santa Catarina, principalmente sobre o oceano, devido a passagem de uma frente fria. Uma massa de ar polar entrará pelo interior do estado trazendo frio. Será uma semana de madrugada e manhãs frias. Na terça-feira um ciclone extratropical se deslocará juntamente com uma frente fria, passando aqui, na quarta-feira. Nesse deslocamento teremos aumento da intensidade dos ventos com rajadas fortes. Esse mesmo ciclone deixará o mar agitado, e assim chance de ressaca e alagamentos pontuais. Depois a presença da circulação marítima provocada pela massa de ar polar com seu núcleo sobre a Argentina, e depois no Uruguai. Assim teremos uma segunda-feira com sol, terça ensolarada, alguma chuva na quarta e quinta-feira, depois sol novamente.

Imagem do satélite GOES 16/NOAA/EUA – Canal True-Color + IR 10,35 µm – dia – 15/05/2022 – Hora local: 19:40 – Sul do Brasil. Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)/Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC)/Divisão de Satélites e Sistemas Ambientais (DAS) modificado por LabClima/UNIVALI. Clique para ampliar.

Essa segunda-feira terá sol e em alguns momentos a presença de nuvens. Chance de chuvisco na madrugada. A terça-feira será ensolarada. Na quarta-feira com o deslocamento de uma nova frente fria teremos a presença maior de nuvens com chuva isolada. Entre quinta e domingo bons períodos de sol. Chance de chuva isolada na madrugada de quinta-feira.

Semana de frio nas madrugadas e inícios de manhã e tardes com temperaturas mais amenas. As temperaturas mínimas ficarão na maioria dos dias entre 9/11°C e máximas entre 18/22°C. A terça-feira será mais fria com mínima entre 7/9°C.

Predomínio do vento das direções de oeste e sudoeste até sexta-feira. A intensidade ficará entre calmaria e vento moderado. Rajadas fortes para terça, quarta e quinta-feira (entre 40-75 km/h). No fim de semana ventos entre noroeste e nordeste.

Em nossas praias ondas variando entre as direções de sudeste e leste conforme o pico. Lá fora ondulação de sul. O tamanho médio ficará em 1 metro. Por causa dos ventos fortes sobre nosso litoral teremos uma maior força na ondulação, e assim condições de séries entre 1,5 e 2 metros conforme a praia. Por esse mesmo motivo e pela lua cheia condições de ressacas e alagamentos de baixios pontuais.

Fora da costa mar agitado durante a semana. Ondas variando entre 1,5 e 4 metros. Na quarta-feira onda maiores, chegando a 8 metros na área de marinha de Charlie. Restrição para embarcações de pequeno porte.

Quarta-feira chuvosa, depois tempo bom e friozinho.

Hoje uma frente fria atua entre Santa Catarina e São Paulo. Seu núcleo, um ciclone, está próximo a nossa costa trazendo ventos fortes. Tivemos rajadas de 79 km/h às 10 horas e 30 minutos, registrada na estação meteorológica do Porto de Itajaí/Univali. Os totais de chuva acumulados nas últimas 48 horas (até às 10 horas) foram de 106 mm em Brusque, 81 mm em Itajaí, 85 mm em Camboriú e 70 mm em Balneário Camboriú. Essa frente fria se deslocará em direção ao Rio de Janeiro, e seu núcleo se afastará mais da costa, em direção ao Rio Grande do Sul. Assim teremos chuva no decorrer dessa quarta, até madrugada de quinta-feira. Depois entrará uma massa de ar polar trazendo frio e sol para nossa região. Observe a imagem de satélite dessa manhã muitas nuvens sobre nosso estado devido à frente fria.

Imagem do satélite GOES 16/NOAA/EUA – Canal True-Color + IR 10,35 µm – dia – 04/05/2022 – Hora local: 10:00 – Sul do Brasil. Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)/Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC)/Divisão de Satélites e Sistemas Ambientais (DAS) modificado por LabClima/UNIVALI. Clique para ampliar.

Quarta-feira chuvosa. A chuva persiste na madrugada de quinta-feira, depois o tempo melhorará no decorrer do dia. Entre sexta-feira e domingo teremos bons períodos de sol, sem previsão de chuva, com nevoeiros isolados. A próxima semana começará com circulação marítima, e assim, maior variação na nebulosidade e chuva fraca bem isolada.

Temperatura em queda a partir dessa quinta-feira. As mínimas ficarão entre 12/14°C e as máximas entre 22/24°C. Para a próxima semana as mínimas sobem um pouco na faixa dos 15°C e as máximas entre 23/25°C.

O vento das direções de sudoeste e sudeste predominarão até domingo pela manhã. A intensidade ficará entre calmaria e brisa leve na maioria dos dias. Para essa quarta e quinta-feira intensidade mais forte com rajadas de até 80 km/h.

Em nossas praias ondas variando entre sudeste e leste conforme o pico. Para hoje séries maiores que 2 metros, e para manhã maiores que 1,5 metros. Depois tendência de baixa.

Com essa maré meteorológica chance de ressaca para hoje e amanhã, bem como alagamentos pontuais.

Fora da costa agitação marinha até quinta-feira com ondas entre 1,5 e 4 metros. Depois tendência de baixa gradativa. Restrição para embarcações de pequeno porte.

Semana começará chuvosa, depois um friozinho.

A semana começará com circulação marítima e áreas de instabilidade. Na terça-feira essas áreas de instabilidade se fortalecerão e formarão um ciclone próximo da costa, entre São Paulo e Santa Catarina. Na quarta-feira uma nova frente fria entre nosso estado e São Paulo. O núcleo desse ciclone se deslocará para Santa Catarina, e depois para o Rio Grande do Sul, associado a áreas de instabilidade. Assim teremos chuva em volumes significativos, sem consenso nos modelos, variando entre 30 e 150 mm. Com a atuação desse ciclone próxima da costa teremos ventos mais fortes e rajadas muito fortes para terça e quarta-feira. Condição de ressaca por causa da maré meteorológica. Assim fique atento aos avisos da Defesa Civil. O tempo melhorará a partir da noite de quarta-feira ou madrugada de quinta-feira com a entrada de uma massa de ar polar, que trará um friozinho. Observe a imagem de satélite dessa noite nebulosidade presente em nosso estado.

Imagem do satélite GOES 16/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce (topo das nuvens (T°C))– dia -01/05/2022 – Hora local: 18:40 – Sul do Brasil. Fonte: Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) modificado por LabClima/UNIVALI.

Entre segunda e quarta-feira o predomínio será das nuvens. Chuva ocasional na segunda-feira. Para terça e quarta-feira condições de chuva forte com volumes significativos já citados. Para quinta e sexta-feira ótimos períodos de sol. Para sábado e domingo a nebulosidade voltará por causa da circulação marítima, com aberturas de sol e chuvisco bem isolado nos momentos de maior nebulosidade.

Temperaturas amenas para o início de semana e depois um friozinho. Entre segunda e quarta-feira temperaturas entre 15/22°C. Para quinta-feira entre 12/23°C. De sexta-feira até domingo mínimas entre 14/15°C e máximas entre 23/25°C.

Ventos das direções de sudoeste e sudeste terão maior frequência nessa semana. A intensidade ficará entre calmaria e brisa leve, com exceção entre terça e quinta-feira com intensidade moderada a forte. Rajadas muito fortes na terça e quarta-feira com até 65 km/h.

Em nossas praias ondas variando entre as direções de sudeste e leste conforme o pico. O tamanho médio ficará em 1 metro. Séries maiores que 1,5 metros para terça e quarta-feira, ultrapassando a 2 metros em alguns picos.

Condição de ressaca em nossas praias por causa da maré meteorológica.

Fora da costa agitação marinha com ondas entre 1,5 e 3 metros e ventos fortes. Restrição para embarcações de pequeno porte.

Semana de muitas nuvens com chuva fraca ocasional.

Observe a imagem de satélite dessa noite áreas de instabilidade sobre a região norte catarinense, muitas nuvens junto ao litoral e poucas nuvens no interior. Nessa segunda-feira áreas de instabilidade avançarão sobre o Rio Grande do Sul, se intensificarão e formarão uma nova frente fria, que passará na terça-feira pela nossa região. Depois, uma massa de ar polar entrará no estado baixando as temperaturas. O núcleo desse anticiclone estará sob o oceano, na altura da Argentina, facilitando a circulação marítima. Na quinta, sexta-feira, sábado e domingo áreas de instabilidade atuarão a partir do interior de Santa Catarina. Com essas condições será uma semana em que teremos sol, mas com a maior presença das nuvens e chuva fraca ocasional diária.

Imagem do satélite GOES 16/NOAA/EUA – Canal True-Color + IR 10,35 µm – dia – 19/09/2021 – Hora local: 19:30 – Sul do Brasil. Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)/Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC)/Divisão de Satélites e Sistemas Ambientais (DAS) modificado por LabClima/UNIVALI. Clique para ampliar.

Entre essa segunda-feira e domingo teremos muitas nuvens, períodos de sol e chuva fraca ocasional. Na segunda, quarta, sexta-feira e domingo maiores períodos de sol. No domingo pela intensificação de áreas de instabilidade teremos condições de temporais pelo estado.

Na segunda-feira e domingo temperaturas mais elevadas com 27°C e 25°C. Nos demais dias máximas entre 21/23°C. Friozinho entre quarta e sexta-feira com mínimas entre 11/13°C.

Ventos variáveis. Nordeste para segunda, parte de quinta, sexta-feira e sábado. As direções de sudoeste e sudeste para terça, quarta e parte de quinta-feira. A intensidade entre calmaria e brisa leve terá a maior frequência na semana. Na terça e quarta-feira pelo deslocamento da frente fria intensidade mais forte, com rajadas fortes de até 50 km/h.

Em nossas praias ondas variando entre as direções de sudeste e leste. Um metro para segunda com tendência de subida. Para quinta e sexta-feira séries maiores que 1,5 metros dependendo do pico.

Tendência de agitação marinha a partir de terça-feira a noite. Ondas entre 1,5 e 4 metros. Restrição de navegação para embarcações de pequeno porte.

Semana começa com chuva, depois frio.

Observe a imagem de satélite dessa noite uma frente fria se deslocando pelo nosso estado. Ela traz chuva para essa noite de domingo, segunda e madrugada de terça-feira. Logo em seguida chegará uma massa de ar polar pelo oeste trazendo muito frio e até chance de neve na serra. Na quinta-feira esse anticiclone estará sobre o oceano, e assim as nuvens voltarão por causa da circulação marítima.

Imagem do satélite GOES 16/NOAA/EUA – Canal True-Color + IR 10,35 µm – dia – 27/06/2021 – Hora local: 19:50 – Sul do Brasil. Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)/Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC)/Divisão de Satélites e Sistemas Ambientais (DAS) modificado por LabClima/UNIVALI. Clique para ampliar.

Segunda e madrugada de terça-feira com muitas nuvens e chuva. O tempo melhorará aos poucos a partir da manhã de terça-feira. O sol predominará na quarta. Para quinta e sexta-feira um pouco mais de nuvens. Para sábado e domingo o predomínio será das nuvens com algumas aberturas de sol. Chuvisco isolado na noite de sexta-feira. Chuva fraca para o início da próxima semana.

O frio já chega nessa segunda, mas se intensifica a partir de terça-feira. Temperaturas mínimas entre 4/9°C e máximas entre 15/21°C dessa segunda até sexta-feira. Para o fim de semana temperaturas entre 9/23°C.

A semana começará mais ventosa. Predomínio dos ventos de sudoeste e sul até quinta-feira, depois variáveis. A intensidade ficará entre calmaria e vento suave até quarta-feira. Rajadas fortes com até 55 km/h para esse período. Para o resto da semana a intensidade ficará entre calmaria e brisa leve.

Em nossas praias predomínio das ondas de leste para essa segunda e terça-feira com até 1,5 metros. Depois tendência de baixa gradativa até meio metro da direção entre sudeste e leste conforme o pico.

Fora da costa agitação marinha com ondas variando entre 2,5 e 5 metros. Tendência de baixa a partir de quinta-feira. Restrição para embarcações de pequeno porte.

O inverno de 2021, e o tempo para a semana.

O inverno astronômico começa nessa madrugada de segunda-feira, às 00h32min, com o solstício do inverno e a noite mais longa do ano. Esse inverno estará sob a influência da Neutralidade Climatológica, ou seja, quando não ocorre nem El Niño e La Niña (figura 1).

Figura 1: Modelo de probabilidade de El Niño – IRI ENSO. Fonte: International Research Institute for Climate and Society – Earth Institute – Columbia University – EUA.

Existe consenso nos modelos internacionais e nacionais sobre a normalidade das temperaturas, dentro das médias históricas. As médias das temperaturas mínimas para o trimestre de julho, agosto e setembro são de 12/13/15°C e as máximas de 21/22/23°C respectivamente.

Quanto a chuva a tendência é que fique dentro de normalidade e abaixo da normalidade. O modelo NCEP/NOAA/EUA coloca chuva dentro da normalidade. Já o modelo do IRI/Universidade da Columbia/EUA coloca chuva abaixo da normalidade. Chance de 40% para julho, 50% para agosto e 60% para setembro. As médias históricas para nossa região é de 113/90/142 mm para o trimestre.

Contudo, vale ressaltar que a normalidade climatológica apresenta entre suas características uma variabilidade espacial e temporal. Assim poderemos ter dias sem grandes precipitações e se concentrarem num curto prazo de tempo, como ocorreu nesse mês de junho nos dias 9 e 19, inclusive com alagamentos. Essa condição serve para a precipitação, como temperatura.

Outras características de nosso inverno são as entradas de sistemas frontais, por vezes formando ciclone extratropicais com seus ventos fortes sobre o oceano e litoral. Situação que leva a maré meteorológica com o empilhamento maior das ondas sobre as praias, e assim ressacas e alagamentos dos baixios. Presença maior de nevoeiros, principalmente entre noite e início da manhã.

O tempo para a semana.

A semana terá a presença constante da nebulosidade, com exceção da terça e sexta-feira com maiores períodos de sol. Chance de chuva ocasional nessa segunda, e chuva bem isolada entre terça e quinta-feira. Isso se deve a circulação marítima. Na sexta-feira voltarão as chuvas a partir da noite pela passagem de uma nova frente fria. Sábado e domingo chuvosos. Volume significativo para domingo com até 40 mm por causa de áreas de instabilidade vindas do Paraná. Observe a imagem de satélite dessa noite (figura 2) nebulosidade presente sobre o litoral centro-norte catarinense.

Imagem do satélite GOES 16/NOAA/EUA – Canal True-Color + IR 10,35 µm – dia – 20/06/2021 – Hora local: 21:10 – Sul do Brasil. Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)/Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC)/Divisão de Satélites e Sistemas Ambientais (DAS) modificado por LabClima/UNIVALI. Clique para ampliar.

As temperaturas continuarão amenas com leve elevação. As mínimas ficarão entre 11/15°C e as máximas entre 20/25°C.

Ventos variáveis. Maior frequência dos quadrantes sudeste e sudoeste. Na maioria dos dias a intensidade será entre calmaria e brisa leve. No domingo aumento da intensidade e rajadas fortes superiores a 40 km/h.

Em nossas praias ondas variando entre sudeste e leste. Ondas de até 1,5 metros nessa segunda e terça-feira. Para quarta e quinta-feira tendência de baixa ficando entre meio a 1 metro. A partir de sexta-feira nova tendência de subida com ondas de até 1,5 metros para o final de semana.

Agitação marinha longe da costa com ondas variando entre 2 e 4 metros para segunda-feira, depois tendência de baixa. A partir de quinta-feira tendência de subida e nova agitação marinha em direção ao fim de semana com ondas entre 2 e 4 metros.

O tempo para o fim de semana. Mar agitado.

Observe a imagem de satélite desse início de manhã nebulosidade presente em Santa Catarina e uma frente fria se organizando entre o Uruguai e o Rio Grande do Sul (colorido). Essa mesma frente fria se deslocará no domingo em direção ao estado.

Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce – dia 11/08/2017 – Hora local: 05:45 – Sul do Brasil. Fonte: Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) modificado por LabClima/UNIVALI.

Sexta-feira e fim de semana com tempo instável. Teremos o predomínio da nebulosidade com algumas aberturas de sol, principalmente no sábado. Chance de chuva fraca ocasional nessa sexta-feira e sábado devido a circulação marítima. No domingo condições de chuva por causa da frente fria. As temperaturas ficarão entre 17/21°C para o fim de semana.

Os modelos atuais apontam chuva mais significativa para a próxima semana.

Os ventos serão de noroeste e nordeste com rajadas moderadas a fortes de até 45 km/h.

Em nossas praias condição de ressaca com ondas entre leste e sudeste com até 2,5 metros.

Fora da costa mar agitado com ondas de até 4,5 metros. Precaução na navegação e restrição para embarcações de pequeno porte.